A prevenção primária do câncer do colo uterino, por meio de vacinas anti-HPV, inauguraram uma nova era da assistência médica em oncologia ginecológica. Mas, os pesquisadores vão além. Mais de uma dezena de ensaios clínicos, quatro dos quais ainda em andamento, estão testando vacinas terapêuticas anti-HPV, obtendo resultados positivos que variam de 18,5 a 70%. A descoberta de uma vacina terapêutica para as doenças relacionadas ao HPV — condilomas e câncer — está cada vez mais próxima.

A maior vigilância (mamografia) em relação às pacientes que possuem fatores de risco, o diagnóstico precoce e o tratamento (cada vez mais conservador)…


A assistência médica (endócrino-ginecológica) à mulher, na peri e pós-menopausa, sofreu mudanças radicais nas últimas décadas. As verdades insofismáveis de outrora, muitas delas baseadas em opiniões pessoais, foram substituídas por análises estatísticas rigorosas de grandes ensaios clínicos multicêntricos, duplo-cegos e randomizados. O empirismo terapêutico cedeu lugar às evidências científicas… Concordo integralmente com o colega ginecologista, Dr. Dino Roberto S. De Lorenzi que, em seu artigo, comenta essa mudança de paradigmas.

O tratamento dos fogachos e dos demais sintomas da deficiência estrogênica na peri e pós-menopausa tornou-se individualizado, obrigando-nos a refletir sobre o mais importante princípio ético da Medicina: “primun non…


O tratamento do casal infértil é um dos campos do conhecimento médico-científico que mais progressos obteve nas últimas décadas. A partir do nascimento de Louise Brown, concebida por fertilização in vitro em 1978, as técnicas de Reprodução Assistida expandiram-se em sofisticação e número, e transformaram-se em soluções para problemas anteriormente insolúveis. A manipulação microscópica dos gametas — injeção intracitoplasmática de espermatozóide (ICSI) -; a aspiração transcutânea de espermatozóides do testículo ou do epidídimo (TESE, PESA); o congelamento de gametas e embriões, a criopreservação de tecido ovariano; a maturação in vitro de oócitos, e, mais recentemente, a criação de espermatozóides a…


Mais fontes de informações:

Amedeo — The Medical Literature Guide — Superatual!
Artigos publicados nas últimas nove semanas nas mais importantes revistas internacionais de G&O. Aqui, cada letra é um link para as publicações da semana. Experimente!
*A**B**C**D**E**F**G**H**I*

Links da Geneva Foundation: Prenatal screening and diagnosisPregnancyLabor, delivery, postpartumMaternal and neonatal infectionsTrophoblastic neoplasms


A palavra obstetrícia deriva do verbo latino “obstare”, que significa estar ao lado. A assistência obstétrica inicia-se com o diagnóstico da gravidez, permanece por toda a gestação (pré- natal), se intensifica durante o trabalho de parto, alcança o seu ápice no parto e prolonga-se até o término do puerpério. Durante todo esse período, o obstetra deverá manter-se “ao lado” da sua paciente, acompanhando atentamente a evolução natural dos fatos, diagnosticando e corrigindo eventuais desvios da normalidade. …


Dissociar sexualidade de reprodução, deixando de ser refém de sua fertilidade; planejar o momento (socioeconômico) mais adequado para engravidar; quantos filhos ter — e com que intervalo — são alguns dos aspectos da existência feminina, sobre os quais a mulher passou a ter autonomia decisória com a chegada dos anticoncepcionais hormonais orais nos anos 1960. O Art. 1º da Lei nº 9.263 afirma que “o planejamento familiar é direito de todo cidadão”. Mas a lei, por si só, não é suficiente se não for acompanhada por ações práticas — nos três níveis de governo — que garantam o acesso das…

Carlos Antonio da Costa

Nascido em 24 de fevereiro de 1949, formou-se em Medicina em 1975, e especializou-se em Ginecologia e Obstetrícia.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store